Acessibilidade

Dr. Luiz visita Teatro Municipal e reafirma promessa de campanha: vamos reabri-lo

11 Jan 2021

Há oito anos, o Teatro Municipal era palco para diversos espetáculos, formaturas e apresentações na cidade. O local, até hoje, é lembrado com carinho por todos os munícipes, numa época em que aconteciam até casamentos coletivos. Além disso, festivais aconteciam lá, como o Festival de Teatro (Fetest), Festival de Dança (Fedest), Femest, Festival de Música (Femest), Festival de Literatura (Felest), Festival de música gospel e o Festival de Monólogos. Uma lista imensa de atividades que ficaram no passado no final de 2012, quando decidiram fechar o espaço e acabar com todo o cronograma cultural.

Na manhã da última sexta-feira, 08, o atual prefeito de Campo Limpo Paulista, Dr. Luiz Braz, foi visitar o espaço para ver de perto as condições das instalações. Foi um susto ver que já não existe mais um Teatro Municipal. Não há mais cadeiras, parte elétrica e nem parte hidráulica. Um compromisso de campanha do prefeito foi reabrir o espaço e isso é uma das prioridades do governo, além de devolver para o local as atividades e que o morador possa voltar a ter essa importante opção cultural. 

Participaram junto com o chefe do executivo o gestor de Cultura e Estação Juventude, Jean Carlo Cunha, o gestor de Educação Vinícius Passarin, o gestor de Serviços Urbanos Denis Braghetti, o gestor de Obras Edmilson Rosa, o Coordenador da Defesa Civil Thiago Schiavinato junto com o gestor de Meio Ambiente Neive Noguero, além de Adriano Garcia representando a classe artística do munícipio e Alcione Donatte, atual Presidente do Conselho Municipal de Políticas Culturais. 

O próximo passo agora, segundo Jean Carlo é fazer um levantamento da documentação predial para ver quais são as condições de infraestrutura do local. Depois disso, será necessário providenciar a execução do projeto elétrico, hidráulico e civil. "Depois desse levantamento faremos a estimativa de custos para reforma e iremos atrás de parcerias e emendas para levantar verba e tão logo poder reabrir este espaço que já faz parte do patrimônio histórico e cultural de Campo Limpo Paulista."


Mais estrago

Assim como o Teatro Municipal, outros prédios públicos voltados para atividades de arte e cultura no município estão sem condições uso, sem manutenção e totalmente sucateados, além de muito mato. Um retrato de total falta de abandono e cuidado com lugares que foram criados para capacitações de munícipes. Uma completa reestruturação para esses espaços também está prevista no plano de governo da gestão atual, além da volta de programas de grande êxito, como a Estação Juventude.


Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário