Linha de Cuidados cadastra 414 pacientes com diabetes

29 Ago 2017

A reorganização do atendimento a diabéticos, da Secretaria de Saúde de Campo Limpo Paulista, por meio da Linha de Cuidados, já cadastrou, em dois meses, 414 pacientes, que contam com acompanhamento nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Quem ainda faz parte do grupo, pode procurar o posto mais próximo.

A equipe da pasta se reuniu nesta terça-feira (29) para um balanço do trabalho, que tem como foco planejar e organizar o atendimento. Entre os pontos positivos apontados pelo grupo, está a descentralização dos insumos, agora distribuídos nas Unidades de Saúde.

Por conta do acompanhamento dos pacientes, as UBSs têm notado uma maior adesão aos tratamentos e, consequentemente, o número de passagens no Hospital de Clínicas por questões decorrentes da diabetes caiu. "A ideia é estender essas linhas de cuidados para diversas patologias", explicou a assessora da Secretaria de Saúde, Lígia Maria Machado Pereira dos Santos.

Hoje, são 202 pessoas cadastradas na UBS Central, 23 no Pau Arcado, 52 na Vera Regina, 70 no São José I, 11 no São José II, 16 na Marieta e 40 no Jardim Europa.

Assistência Farmacêutica ? Durante a reunião, a coordenadora da Assistência Farmacêutica, Hannah Hebling, apresentou a nova padronização municipal de medicamentos para 2018, que atende às necessidades de saúde prioritárias da população da cidade. Alista conta com 225 medicamentos, 75 a mais que a listagem de 2017. "A proposta ainda não foi fechada e hoje aproveitamos para ouvir a sugestão dos profissionais que atuam na rede", esclareceu.

Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário