Viveiro tem festa julina dos moradores do Figueira Branca com diversidade cultural e ações ambientais

29 Jul 2017

A Associação de Moradores do Figueira Branca realiza sua 1º festa julina no Viveiro Municipal, a partir das 10h, deste domingo (30). Muita música, gastronomia e diversão esperam pelos campolimpenses com a Orquestra de Metais, Coral Vocal Cantura e estande da coordenadoria do Meio Ambiente.

Durante a festa, a equipe da coordenadoria de Meio Ambiente apresenta um material de conscientização contra queimadas e disponibiliza a doação de mudas para quem se interessar. "Essa ação visa conscientizar os cidadãos, tendo em vista a grande quantidade de queimadas que o município registrou neste período de estiagem", disse a coordenadora de Meio Ambiente, Fernanda Lobo.

Dentre as atrações culturais, os participantes poderão contemplar o vasto repertório da Orquestra de Metais, a partir das 11h, que toca clássicos e trilhas sonoras de filmes famosos. Também, o grupo de canto coral Vocal Cantura interpreta, às 14h, canções de: Cazuza, Lulu Santos, Rita Lee, Skank, Roupa Nova, Ary Barroso, Dominguinhos e muito mais.

MAIS - O evento conta ainda com os diferenciais: barracas de gastronomia e artesanato, cervejas artesanais, porco assado e brigadeiros gourmet. De acordo com a coordenadora de Cultura, Dedé Lenk, a parceria entre a Associação e a Prefeitura reflete o modelo de gestão cultural implantado nos últimos seis meses.

?Nós queremos dialogar com a comunidade e oportunizar apresentações da orquestra por toda cidade. A festa julina da associação do Figueira foi um meio para alcançarmos um público que reside longe da região central?, disse a coordenadora Lenk.


O Viveiro Municipal fica na Estrada dos Ipês, nº 3225, Figueira Branca ? Antigo Clube dos Alemães.

Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário