Obras

Prefeitura reinicia obras na creche do Outeiro das Paineiras

Data da publicação: 31/03/2022 15:45:07

Imagem: Com a assinatura da Ordem de Serviço, as obras são retomadas após oito anos

Ninguém mais acreditava que seria possível, mas foi: hoje (quinta, 31), o prefeito Dr. Luiz Braz assinou a Ordem de Serviço para a empreiteira que retomou as obras da creche do Outeiro das Paineiras, iniciadas em 2014. Apesar das adversidades, como a falta de acesso ao local e entraves burocráticos, a Prefeitura entendeu a importância de finalizar o projeto, incluindo o estudo de um novo acesso para alunos e familiares. Com isso, serão 100 novas vagas na creche.

Hoje, último dia do mês de aniversário de Campo Limpo Paulista, tanto Dr. Luiz como o vice Paulo Fávaro fizeram questão de ir até o local e ver pessoalmente, o início das obras. “Pra não ter de devolver dinheiro, vamos complementar o custo estimado em R$ 1,6 milhão e, finalmente, entregar mais esta unidade para a rede municipal de ensino. São boas notícias provando que os dias melhores já estão chegando”, fala o prefeito

A creche do Outeiro das Paineiras (Parque Santana), teve a obra paralisada por mais de oito anos e sem um desfecho oficial - não foi retomada e nem teve  o dinheiro devolvido para a União - bloqueou os recebimentos da Prefeitura de Campo Limpo Paulista para investimentos na educação. “Avaliamos as possibilidades e entendemos que é melhor dar continuidade da obra do que abandonar o projeto”, diz Paulo Fávaro, lembrando que para tanto foram feitos levantamentos da estrutura existente.

O único acesso hoje à creche é por uma estrada de terra de cerca de 1,5 Km, onde não há linha de ônibus. Um novo acesso terá de ser feito, para que os moradores da região do Parque Santana, vilas Ipê, Firenze e Marieta possam usufruir do espaço. “Nunca duvidei que isso iria acontecer. Dr. Luiz e Paulo sempre mostraram que trabalham duro e agora, com esse acesso, vai ser ótimo para a região”, comemora a comerciante Zenilda Cândido Brasil Neves que mora no local há 30 anos.

O vizinho da creche e um dos responsáveis pela manutenção do espaço, Cosmo Marcos Fernandes fez questão de ir até a creche cumprimentar os gestores da cidade. “Eu não acreditava mais, hoje é um dia muito feliz”. O vice Paulo Fávaro agradece lembrando que o papel de todo gestor é sempre zelar pelo bom uso do dinheiro público.

O secretário de Educação Vinicius Passarin Neves diz que apesar da redução da fila de demanda de creches na cidade, a procura por vagas é sempre muito grande e esse espaço não poderia ser perdido. Já o secretário de Obras Cirilo de Alexandria Almeida, diz que o acompanhamento da obra será feito para que seja entregue dentro do prazo. Também estiveram no local os vereadores Adriano Benedetti e Tonico.

O recurso para a obra da creche veio em 2013, em torno de R$ 1,2 mil - foi feita 40% da creche e usado pouco mais de R$ 500 mil até agora. A grande questão é que os R$ 700 mil restantes não serão suficientes para a finalização do projeto, oito anos depois. Além da desvalorização monetária e do desgaste da construção,falta toda a parte de infraestrutura interna, que a administração terá que arcar.

Nova fase

A previsão da atual administração municipal é de receber, entre os anos de 2021 e 2022, mais de 20 milhões em recursos - gerando investimentos de cerca de R$ 30 milhões, com contrapartida da Prefeitura. São valores conquistados através de um trabalho árduo pela atual administração - a grande maioria através de emendas parlamentares. Para receber todos esses valores, porém, foi preciso regularizar todas as “contas” da prefeitura, gastos e obras que sobraram das gestões passadas.

A gestão atual herdou uma prefeitura endividada em mais de R$ 20 milhões, sendo pagamentos em atraso com fornecedores, INSS e Receita Federal - e tiveram que ser pagas e regularizadas de imediato. Além de uma dívida com parcelamentos a longo prazo de mais de R$ 40 milhões.

Autor: Assessoria de Imprensa

Imagens