Centro de Nefrologia realiza mais de 800 atendimentos no 1º mês

03 Set 2018

Em um mês de funcionamento, o Centro de Nefrologia Dra. Débora de Paula Castro, de Campo Limpo Paulista, já se destaca pela qualidade no atendimento à população do município e de toda a região. Só nos primeiros 30 dias, foram 812 sessões de hemodiálise. 

O prefeito Dr. Japim Andrade esteve no local nesta segunda-feira (3) para avaliar o atendimento e falar com os pacientes. "Estamos nos tornando um polo de nefrologia para a região. Felizmente, o balanço que fazemos desse primeiro mês é positivo. Os pacientes que antes acordavam de madrugada e passavam pelo desgaste de longas viagens agora contam com um serviço em nossa cidade. É um grande e importante passo para a saúde pública." 

O secretário de saúde, dr. Luiz Ângelo Zanotti, destacou que quase 100% dos pacientes de Campo Limpo Paulista que necessitam do serviço já estão sendo atendidos no Centro de Hemodiálise. Além disso, há pessoas vindas de Cajamar, Jarinu, Várzea Paulista e Francisco Morato. "Há uma demanda reprimida nas cidades vizinhas e já esperávamos esses pacientes. Nosso objetivo é atender a todos, com qualidade", destacou.

Segundo ele, existe a possibilidade de ampliar o atendimento em mais um turno e, caso necessário, o Centro de Hemodiálise irá operar com turno noturno. O Ministério da Saúde é responsável pelo custeio do local com verba anual de R$ 6,4 milhões. São 26 máquinas para os procedimentos de hemodiálise.

Além disso, foram realizados 32 atendimentos ambulatoriais no primeiro mês de trabalho.

Quem frequenta o espaço, aprova. "Para mim essa mudança foi ótima. A estrutura aqui é muito boa e o tempo de deslocamento mais curto", comentou Osmar Barreto. Assim como ele, José Alves, morador de Cajamar, também celebra o novo espaço. "Agora tenho mais tempo para o meu trabalho, que antes ficava curto porque eu perdia quase um dia inteiro para ir até São Paulo."

MAIS - O Centro de Nefrologia de Campo Limpo Paulista foi inaugurado em 2016 sem a documentação necessária  para funcionamento. O prefeito Dr. Japim Andrade  e a equipe da Secretaria da Saúde trabalharam para deixar a documentação em dia e, enfim, pleitear junto ao Ministério da Saúde a verba para funcionamento. "É a realização de um sonho ver esse lugar enfim funcionando", disse dr. Japim.


  

Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário