Gripe: professores e pessoas com doenças crônicas já podem se vacinar

09 Mai 2018

A partir desta quarta-feira (9) professores e pessoas com doenças crônicas passaram também a ser atendidas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) para a vacinação contra a Influenza. Entre o público alvo da campanha também estão crianças de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), idosos com mais de 60 anos e trabalhadores da Saúde.

É necessário apresentar comprovação do médico ou, no caso dos profissionais, identificação comprovando a atividade. Campo Limpo Paulista já chega perto dos 4 mil imunizados na campanha. A população pode comparecer às UBSs, exceto Vila Marieta e Jardim Europa, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h e das 13h às 15h.

A campanha será realizada até o dia 1º de junho, sendo o dia 12 de maio (sábado) o Dia D da Vacinação, das 8h às 17h, também nas Unidades Básicas.

Existe contraindicação para pessoas alérgicas a ovo e para quem já teve reações em anos anteriores.


Objetivo - De acordo com a Coordenadoria da Vigilância em Saúde, a estratégia de vacinação tem como objetivo minimizar a ocorrência da doença, as internações e óbitos atribuíveis ao vírus influenza nos grupos mais vulneráveis, ou seja, que têm maior risco de evoluir com complicações. Dessa forma, é imprescindível o alcance da cobertura vacinal, que pretende chegar a 90% desse grupo em Campo Limpo Paulista, o que equivale a pouco mais de 14 mil pessoas. 

Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário