Guarda Municipal tem treinamento com gás incapacitante

04 Jun 2018

A Guarda Municipal (GM) de Campo Limpo Paulista passou por curso de formação de operadores de gás incapacitante "PSI PRO", na tarde desta segunda-feira (4), na sede da GM. A ação é pioneira na região e foi viabilizada em parceria com a empresa "AR3 Consultoria, Cursos e Treinamentos".

De acordo com o secretário de Segurança Integrada, José Roberto Ferraz, o treinamento reforça as exigências da Lei Nacional nº 13.060. "A lei exige que os Guardas Municipais tenham armamento não letal acompanhado do letal, para auxílio nas ocorrências de acordo com a gravidade da situação. Nós estamos trabalhando com essas capacitações para oferecer ainda mais qualidade na segurança pública", disse Ferraz.

Para o comandante da GM, Sérgio Cardoso, o curso é essencial à equipe. "Passar por essa capacitação é essencial às operações externas, porque prepara o Guarda às abordagens mais incisivas que necessitarem de uma reação mais rápida", salientou.

Os produtos ministrados aos GMs têm duas funções: a dispersão de multidões e o disparo direcionado; em ambas situações, a química tem efeito inibidor. Os sprays aplicados são inofensivos à saúde humana e 100% ecológicos.

A GM Ana Maria, que passou pelo treinamento diz ter aprovado o novo equipamento. "O produto é forte e tem eficácia. Vai ser muito bom nas operações de rua". Assim como ela, o GM Varlei de Brito, também gostou da iniciativa. "Esse novo equipamento é uma novidade para nós. Quando levarmos para às ruas já estaremos preparados". 

MAIS - Como seguimento das capacitações, nas próximas semanas está previsto a aplicação do curso de capacitação anual de tiro, conforme prevê a Lei Nacional nº 10.826.


Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário